Você está em:
Postado há 0000-00-00 00:00:00

Procon divulga lista de empresas que desrespeitam consumidor

Agência O GloboSó em agosto, os Procons receberam em quase todo o país mais de 60 mil reclamações de consumidores insatisfeitos. Para coibir o problema, uma outra estratégia, prevista no Código de Defesa do Consumidor, está ganhando força: divulgar as empresas que estão com o "nome sujo" nos Procons.Nesta quinta-feira (11), os Procons divulgam a lista das empresas com o maior número de reclamações nos últimos 12 meses. Alguns estados, como Bahia, Espírito Santo e Goiás decidiram ir além e criaram uma cartilha, em que também é possível saber quem atendeu e quem deixou os consumidores na mão.É um alerta para as empresas. “Nós entendemos que essa lista tem dois papéis: a divulgação para os consumidores, para que eles tenham mais conhecimento de todos os problemas de todas as empresas, e a importância, para que as próprias empresas possam se corrigir”, declara Gustavo Sardinha, da Associação Comercial de Goiás.“A melhor maneira de mostrar para o consumidor que tem boas intenções em melhorar o atendimento é para o próximo ano não constar do cadastro”, diz a coordenadora do Procon Juliana Pereira.AniversárioO Código de Defesa do Consumidor (CDC) completa 18 anos nesta quinta-feira. A legislação é considerada um marco nas relações entre fornecedores e consumidores. "Ele mudou a relação das empresas com os consumidores", diz Selma do Amaral, assistente de direção da Fundação Procon de São Paulo.A partir de hoje, a lista das empresas com o maior número de reclamações nos últimos 12 meses vai estar no site do Procon . Alguns estados, como Bahia, Espírito Santo e Goiás decidiram ir além e criaram uma cartilha, em que também é possível saber quem atendeu e quem deixou os consumidores na mão.

CompartilheNas redes sociais