Você está em:
Postado há 0000-00-00 00:00:00

Empresas com imagem negativa entre profissionais da área: qual é a causa?

Fonte: InfoMoney

Karin SatoProvavelmente, há uma lista de empresas nas quais você não faz questão alguma de trabalhar. Em todos os setores, existem organizações pequenas, médias e grandes com má reputação e os profissionais bem informados costumam pensar duas vezes antes de mandar o currículo para elas.Mas o que causa essa má reputação entre profissionais de determinada área? Antes de mais nada, é preciso pensar em quem dissemina a imagem negativa das empresas no mercado. A resposta é simples, e até óbvia: pessoas que já trabalharam ou ainda trabalham nelas. Ninguém iria falar de um lugar que não conhece.Salário O diretor de Operações da Human Brasil, Fernando Montero, diz que um dos motivos mais freqüentes para a decadência da imagem institucional das organizações é o salário oferecido aos colaboradores. Ele fala com base em sua experiência, já que a Human realiza trabalhos para empresas que precisam revitalizar sua reputação."Certa vez, ajudamos uma empresa cujos funcionários estavam muito insatisfeitos e desmotivados. Muitos já haviam saído de lá, outros pretendiam sair e ainda havia aqueles que não tinham interesse em trabalhar naquele lugar, porque não se sentiam atraídos. Ao diagnosticar as causas, descobrimos que um dos motivos era a remuneração. Não necessariamente o valor final, mas a falta de uma perspectiva de aumento da mesma. Os colaboradores dessa empresa não tinham plano de carreira".Ele conta que esses funcionários sentiam falta de um planejamento de carreira concreto, estruturado no papel e objetivo. Para que as pessoas se sintam motivadas e com um objetivo a ser perseguido, necessitam de um plano que contenha, inclusive, prazos para atingir cargos mais altos, conforme os resultados determinados pela companhia são alcançados."Nessa empresa em questão, encontramos até alguns colaboradores que funcionavam como uma espécie de faz-tudo. O líder não estabelecia uma direção certa a ser seguida".Chefes despreparados Outro motivo muito comum para a má reputação das empresas é a existência de chefes despreparados, sem as competências comportamentais necessárias para liderar."Quando a empresa não valoriza seus funcionários, não dá oportunidades de crescimento, não oferece treinamentos, não conta com um plano de cargos e salários, não tem um departamento de Recursos Humanos estratégico, apenas operacional, nem realiza avaliações de desempenho de forma justa, muitos funcionários saem".E os profissionais que deixam, insatisfeitos, seus empregos geralmente saem por aí reclamando da organização, repletos de críticas a fazer. É a empresa que estimula a competição, o líder injusto e despreparado, o salário incompatível com o mercado, a carga pesada de trabalho, as horas-extras que não são remuneradas e por aí vai. Pode ser o fim de uma boa reputação no mercado.Para o diretor de Operações da Human Brasil, justamente por conta da reputação, que é preciosa, e, em casos extremos, irrecuperável, a escolha de profissionais para os cargos de chefia é crítica. O profissional selecionado para tal precisa saber lidar com pessoas e ter as competências comportamentais necessárias para liderar.A boa reputação Se é fácil a boa reputação de uma empresa desmoronar, o mesmo não pode ser dito de sua construção. Fazer com que determinada organização tenha uma imagem positiva no mercado, de modo a atrair bons profissionais, não é fácil. Mas muito está sendo feito nesse sentido.Uma das variáveis é a qualidade de vida dos funcionários. Empresas que se preocupam com isso, que oferecem horário flexível, benefícios às mulheres que são mães, ginástica laboral para todos os funcionários, refeitório com refeições balanceadas, sala de recreação, entre tantas outras iniciativas, saem na frente.Outro fator importante é a questão da responsabilidade social. Empresas que respeitam seus funcionários, fornecedores, clientes, a comunidade local e a sociedade costumam gozar de boa fama, sendo atraentes aos profissionais da área, garante Fernando Montero.Empresas perdem muito O que as empresas têm a perder com a má reputação? A chance de contratar os melhores talentos da área, explica Montero. Quem é bom no que faz, geralmente, tem liberdade para escolher as empresas nas quais quer trabalhar e a imagem delas funciona como um filtro.

CompartilheNas redes sociais