Você está em:
Postado há . Atualizado há

O profissional do futuro globalizado

Após estudos e pesquisas exaustivas, na busca de entender o presente, analisando o passado e vislumbrando um futuro promissor

“O futuro que nos avizinha não nos dará tempo, daí devemos nos antecipar nas AÇÕES e ATITUDES necessárias para que tenhamos um futuro promissor. E muitos participarão somente das estatísticas, lamentável.” (Elenito Elias da Costa e Levy da Costa Sales).

Após estudos e pesquisas exaustivas, na busca de entender o presente, analisando o passado e vislumbrando um futuro promissor, diante das adversidades e variáveis positivas e negativas, chegamos a um pensamento crítico em que relatamos nesse precoce escrito, cientes que somos da limitação e dos UP GRADE qualitativos dos leitores e demais entendidos nesse seara.

É fato verossímil que o BRASIL e sua população, passarão por momentos de aflições, haja vista que a ausência de investimentos e os cortes e contingenciamentos dos recursos públicos afetam sensivelmente o desenvolvimento necessário para a mínima condição no mundo globalizado.

Entendemos que esse HIATO temporal, independente de qualquer governo, resultou nessa geração que hoje sente por não acompanhar o mundo globalizado com sua tecnologia da informação em igualdade de condições.

Todas as profissões serão afetadas pela a INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL, e a adequação é INEVITÁVEL, inclusive com retorno a ACADEMIA para um UP GRADE qualitativo para elevar sua expertise.

Quando analisamos os SETE SABERES de EDGARD MORIN:

  1. O conhecimento;
  2. O conhecimento pertinente;
  3. A identidade humana;
  4. A compreensão humana;
  5. A incerteza;
  6. A condição planetária;
  7. A antropo Ética.

E agregamos cumulativamente a TEORIA DA RELATIVIDADE de Albert Einstein:

ENERGIA = MASSA x ACELERAÇÃO (elevada a segunda potência)

Associamos a TEORIA DA EVOLUÇÃO DAS ESPÉCIES de Charles Darwin:

“Não é o animal mais forte nem o maior que sobrevive as Intempéries, MAS SIM AQUELES QUE MAIS RÁPIDO DE ADEQUAR AS CONDIÇÕES”.

A análise conjunta dos três postulados dos brilhantes cientistas nos concede e nos levam a um entendimento do pensamento crítico sobre a nossa evolução diante dos fatos e conhecimentos que nos rodeiam.

A pergunta que todos nós devemos fazer, sobre nós mesmos:

O QUE DESEJAMOS NO FUTURO PROMISSOR¿

O QUE ESTAMOS FAZENDO PARA ADQUIRIMOS ESSE FUTURO¿

DIANTE DESSAS VARIÁVEIS, ONDE ESTOU¿.

O QUE POSSO AGREGAR PARA ACELERAR ESSE FUTURO PROMISSOR¿

O QUE POSSA FAZER PARA CONTER E REPARAR O DANO SOFRIDO¿

TALVEZ NÃO TENHAMOS TODAS AS RESPOSTAS, mas sabemos que qualquer que seja a AÇÃO e ATITUDE necessária depende ÚNICA E SOMENTE DE MIM MESMO.

A resolução de nossas pesquisas e estudos proferidos nos levou a identificar que qualquer que seja a sua PROFISSÃO escolhida, deverá ter como complemento as seguintes palavras:

  1. Digital;
  2. Virtual;
  3. Cyber;
  4. Bio;
  5. Nano.

Segundo o Fórum Econômico Mundial e a Pesquisa Mckinsey informam que muitas profissões desaparecerão e outras surgirão, mas entendemos que todas as profissões hão de permanecer, mas deverão ser desenvolvidas através de diversos fatores:

  1. Habilidade;
  2. Competência;
  3. Eixo Prático;
  4. Idiomas; (Inglês e Mandarim).
  5. Criatividade;
  6. Relações Humanas;
  7. Generalidades;
  8. Tecnologia da Informação;
  9. Inteligência Artificial;
  10. E demais.

O mundo REAL e o VIRTUAL devem ser objeto de qualquer profissão que deseje permanecer no mercado globalizado.

Não podemos negar que a IA, 5G, Robótica, Big Data, Internet of Things, Cloud Computing, Machine Learning, Deep Learning, Chatbolt e demais são verbetes usuais que exigem conhecimentos para a integração necessária entre Máquinas e Humanos que há formar a Indústria 4.0, e não há alternativa.

Desculpa a nossa limitação e estamos cientes que muitos devem criticar ou aditivar o referido, mas sentimos que deveríamos externar a nossa preocupação diante do quadro negro da educação que formou diversos profissionais e ainda continua formando, e tememos o futuro que se aproxima e pela a exiguidade do hiato temporal que poderá vitimar inocentes.

AUTORES: ELENITO ELIAS DA COSTA, contador, auditor, vice-presidente da APROCON/CE, consultor, professor universitário, pesquisador, escritor, palestrante, só um ser humano.

LEVY DA COSTA SALES, estudante, meu Neto, dois anos, só um ser humano.·.

CompartilheNas redes sociais
Outros ArtigosDo dia 05 de August de 2019