Você está em:
Postado há . Atualizado há

Profissional, uma existência futurística altamente seletiva

O mundo globalizado exige profissionais competentes, capacitados e qualificados para entender os graves problemas que afetam a existência do ser humano

“A melhor representação democrática política do sistema DEVE SER SUBSTITUÍDA POR UMA INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL, que preserve a existência saudável do homem.” (Elenito Elias da Costa).

O mundo globalizado exige profissionais competentes, capacitados e qualificados para entender os graves problemas que afetam a existência do ser humano, a ECONOMIA, o SOCIAL, o CLIMA, o EMPREGO, a EDUCAÇÃO a SAÚDE, a POLITICA e demais que compõem os agravos sociais precisam ser atendidos em sua essência a fim de conceder VIDA existencial ao ser humano.

Muitos países padecem de uma doença incurável chamada SUBDESENVOLVIMENTO SOCIAL, e lamento que não haja mais tempo para sua recuperação, assim como muitos PROFISSIONAIS não tem mais tempo para sua readequação social por negligenciarem as várias chamadas para retorno á busca de sua capacitação e qualificação.

”Dura verum, sed verum” (Jacinto Murowanieki).

A Tecnologia da Informação com sua Inteligência Artificial e a Quântica exigem profissionais antenados e o mercado se torna muito seletivo, eis o motivo da QUARTA grande de revolução industrial.

O mundo continuará com sua segregação racial, mas não por raça, cor, classe econômica social, religião, política ou qualquer discriminação, mas sim pela seletividade de sua INTELIGÊNCIA e formação PROFISSIONAL.

O projeto do computador quântico une algoritmo e Inteligência Artificial para agir como cérebro, à tecnologia quântica substituirá o sistema binário usado na computação atual.

“Mas uma vez que mostrarmos que essas REDES NEURAIS QUÃNTICAS, podem ser mais poderosas em aplicação no mundo real do que as feitas com programas de inteligência artificial clássicas, elas rapidamente se tornariam a tecnologia mais importante no mundo, segundo o Professor Michael Hartmann da Universidade Britânica Heriot – Watt”

“Ao combinarmos esses dois (2) ramos de computação, nós esperamos dar um passo significativo no sentido de criar uma inteligência artificial que opere em velocidade sem precedentes e que seja capaz de tomar decisões complexas em um intervalo de tempo muito pequeno.”

“São máquinas que vão ser ensinadas a pensar e agir por si mesmas”

Segundo Daniel H Pink (2006) no seu livro A Nova Inteligência, ele ressalta que qualquer trabalho baseado em rotinas, que pode ser reduzido a um conjunto de regras ou decomposto numa série de passos que se repetem, ESTÁ EM RISCO.

Nesse livro publicado, ele relata que o PROFISSIONAL precisa fazer três indagações para identificar o RISCO de sua profissão, quais sejam:

  1. Alguém pode fazer o mesmo noutro País por menos CUSTO¿
  2. Um computador faz o mesmo mais rápido¿
  3. O que tenho para oferecer tem procura neste cenário de abundância¿

No relatório do Fórum Econômico Mundial, denominado de “The Future of Jobs”, foi relacionado ás características essenciais que identificam o profissional do futuro breve, quais sejam:

- Resolução de problemas coplexos;

- Pensamento crítico;

- Criatividade;

- Gestão de pessoas;

- Coordenar-se com outros;

- Inteligência Emocional;

- Tomada de decisão e discernimento;

- Orientação para o serviço;

- Negociação;

- Flexibilidade cognitiva;

- Literácia tecnologia.

Segundo o Professor PhD Kai – Fu Lee, em seu livro “AI Superpowers: Silicon Valley and the New World Order”, ele escreve que devemos observar as quatro ondas e acompanha-las, quais sejam:

PRIMEIRA ONDA – Aplicação da Inteligência Artificial na internet e já está disponível para todos no mercado, tais como Youtube, Toutião e demais.

SEGUNDA ONDA – Inteligência empresarial.

TERCEIRA ONDA - Inteligência perceptiva que inclui programa de reconhecimento de voz e facial.

QUARTA ONDA - Inteligência artificial autônoma que confere aos robôs a inteligência humana

O autor, José Eduardo Diniz Alves, cita em seus escritos que o grande pesadelo humano será os robôs inteligentes com capacidade de autoprogramação e autoconhecimento se rebelarem contra seus criadores e repetir a insubordinação de LÚCIFER e PROMETEU. E lembra que LÚCIFER na sua desobediência cita: “Melhor reinar no inferno do que obedecer ao Céu”, já PROMETEU, desobedeceu os Deuses e levou conhecimento aos súditos e foi apenado pelos Deuses que o transformou em estátua de pedra e seu fígado seria devorado paulatinamente por uma águia e o mesmo se rejuvenescia diariamente mantendo sua agonia secular.

SÓCRATES nos brinda ao citar que “Sábio á aquele que conhece os limites da própria ignorância”

Talvez possa parecer estranho haver citado no referido artigo diversos autores, mas é que devemos ter a dimensão exata do importante momento que estamos vivenciando, e que possamos proceder a uma análise racional dos fatos e tomarmos a AÇÃO e a ATITUDE necessária para acompanhar essa evolução.

Fico bastante preocupado com os PROFISSIONAIS e EDUCANDOS em formação que não tem essa orientação no seu meio social, quer seja familiar, trabalho, escola e similares, pois podem ser vitimas de sua própria inobservância e afetar seu futuro e de sua prole.

Estamos observando os avanços da TI, Inteligência Artificial e Inteligência Artificial Quântica e vejo a sociedade cética e estática diante dos fatos que fatalmente hão de lhe afetar, me deprime mais ainda observar algumas UNIVERSIDADES e EMPRESAS sentirem essa evolução e não estabelecer um Planejamento Estratégico para se adequar a essas inovações.

Mas nos contenta se entendermos que na VIDA SOMOS TODOS PASSAGEIROS E QUE DEVEMOS FAZER A NOSSA PARTE.

Lembro que a palavra PROFISSIONAL, adjetivo de dois gêneros, relativo a uma profissão, próprio de uma determinada profissão, aquele que busca identificar seus pontos positivos e negativos e estabelecer melhorias, buscando reduzir os negativos e elevando os positivos inclusive suas habilidades.

Chegamos á conclusão que “SUSTENTABILIDADE E CONTINUIDADE TEM UM PREÇO” que devem ser suportados por sua CAPACITAÇÃO e QUALIFICAÇÃO, caso deseje inserir algo diferente em seu EPITÁFIO.

Desculpa se posso parecer áspero ou indelicado, mas os fatos e a evolução precisam de mudança comportamental do profissional urgente, caso deseje permanecer no mercado.

AUTOR: ELENITO ELIAS DA COSTA, só mais um passageiro.

CompartilheNas redes sociais
Outros ArtigosDo dia 13 de February de 2019