Você está em:
Postado há 0000-00-00 00:00:00

Transparência e a Petrobras são Paralelas

Brasileiros e estrangeiros, que investem na PETROBRAS

Brasileiros e estrangeiros, que investem na PETROBRAS, devem redobrar suas suspeitas quando analisar as DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS E FINANCEIRAS e demais documentação buscando aferir junto ao Planejamento Empresarial da maior empresa do Brasil.

Á tempos que escrevo sobre TRANSPARÊNCIA, CONTROLE INTERNO, DIAGNÓSTICO EMPRESARIAL e PES – PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO SUSTENTÁVEL, e lendo o VALOR ECONÔMICO,datado de 26 de Junho de 2012, página B7, onde está transcrito as informações da Sra. Graça Foster, Presidente da PETROBRAS, que estratégica e oportunamente “ apontou que a estatal vinha divulgando metas que sistematicamente descumpria, convivia com falta de planejamento, controles insuficientes e ineficiência operacional. As antigas projeções de produção, consideradas irrealista pelo mercado e, agora, assumidas pela nova administração, indicou a presidente, contavam com a sorte para serem atingidas.”

Foi mais transparente quando exclama: “Aqui, ninguém trabalha com conforto de absolutamente nada. Conforto é uma palavra proibida entre nós. Nós trabalhamos sobre total desconforto. Aqui é desconforto 365 dias por ano para atender a demanda de todos os senhores e senhoras.”

Suas palavras e informações demonstram com clarividência a veracidade das informações contidas nas demonstrações contábeis e financeiras e principalmente na execução e realização de projetos em andamento.

É estarrecedor e altamente desconfortável a interpretação de suas informações, devemos entender que se trata da maior empresa do Brasil, em que todo o brasileiro e demais investidores alocavam seus recursos na certeza da verdade contidas em seu planejamento e de seus resultados exarados em seus demonstrativos.

O Conselho de Administração, o Conselho Fiscal, a empresa de auditoria independente, a CVM – Comissão de valores Mobiliários, a SEC (americana), os investidores nacionais e estrangeiros, a sociedade brasileira, devem refletir sobre a gravidade das palavras da Senhora Graça Foster, atual presidente da PETROBRAS, e antes diretoria de Gás e Energia desde setembro de 2007.

Todos os investimentos que estão sendo e que serão pela PETROBRAS realizados, devem merecer uma reflexão mais transparente.

É preocupante quando ela se expressa “Existem fatos, dados e números que mostram que a grande maioria de nossos projetos, projetos importantes, tem sido concluída a contento. Existem pontos fora da curva.”

Torna-se mais enfática quanto a COMPERJ, ressalta que a nova gestão está fazendo um detalhamento até saber quanto custam e o que já foi feito “o físico e o financeiro andam juntos”, nos dá uma suspeita de que os valores investidos e desembolsados não condiz com os fatos realizados.

Quando ás refinarias do Maranhão e do Ceará, o diretor de Abastecimento, José Carlos Cosenza, disse que estão no plano estratégico de US$ 236,5 bilhões e recebendo recursos compatíveis com a atual fase (do projeto). “Mas é evidente que têm que ter prazo, custo e rentabilidade”.

Gostaria muito de saber qual o tipo de autonomia da diretoria anterior, já que a mesmo afirma que a autonomia dos novos diretores é mais restrita agora, como ressaltou. “O diretor não tem autorização de, por si, decidir fazer investimentos acima daquilo que está previsto para resolver o problema de desempenho do projeto. Evidentemente estou falando dos grandes projetos da companhia, responsáveis pela produção, responsáveis pelo escoamento de petróleo e gás produzidos.”

Sei que muitos talvez tenham limitação na interpretação e entendimento da gravidade das informações contidas no VALOR, mas certamente devemos entender que isso representa no mínimo um absurdo, pois estamos falando da maior empresa do Brasil.

Com os melhores técnicos, maiores e melhores recursos, chegamos ao ponto de identificar que a mais rentável empresa do Brasil, tinha uma fragilidade descomunal em seu planejamento que obviamente se refletia em seus demonstrativos contábeis e financeiros, com parecer fiscal, parecer de auditoria independente, aprovação da CVM, com reservada aprovação da SEC, já que em seu planejamento ressalta que não seus planos e metas dizem respeito somente á investidores do Brasil.

Aqueles que aprovaram seus demonstrativos devem no mínimo rever seus conceitos e valores individuais, ou no mínimo conceitos sobre ERRO, DOLO e INCONSISTÊNCIA CONTÁBIL, reservado as suas devidas limitações.

 

AUTOR: ELENITO ELIAS DA COSTA, um néscio brasileiro.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

THE PATROBRAS END TRANSPARENCY IS A PARALLEL

Brazilian and foreign, to invest in Petrobras, should redouble their suspicions when examining FINANCIAL STATEMENTS AND FINANCIAL and other documents trying to measure with the Business Planning of the largest in Brazil.

Á time I write about TRANSPARENCY, INTERNAL CONTROL, DIAGNOSTICS BUSINESS and PES - STRATEGIC PLANNING SUSTAINABLE ECONOMIC VALUE and reading, dated June 26, 2012, page B7, the information is transcribed Mrs. Grace Foster, President of PETROBRAS that strategic and timely "pointed out that the state had been disseminating that systematically targets no order, lived with poor planning, insufficient controls and operational inefficiency.

 

The old projections of production, considered unrealistic by the market, and now assumed by the new administration, said the president, had the luck to be hit. "

It was more transparent when he exclaims: "Here, nobody works with the comfort of absolutely nothing. Comfort is a forbidden word among us. We work on all discomfort. Here is discomfort 365 days a year to meet the demand of all lords and ladies. "

His words and information show with clarity the veracity of the information contained in the financial statements and financial and especially in the implementation and realization of projects in progress.

It's amazing and highly uncomfortable interpreting their information, we must understand that it is the largest company in Brazil, Brazilian and all the other investors make its resources in the certainty of truth contained in its planning and its results formally recorded in their statements.

The Board of Directors, the Supervisory Board, the independent auditing firm, CVM - Securities and Exchange Commission, SEC (U.S.), the domestic and foreign investors, Brazilian society should reflect on the seriousness of the words of Lady Grace Foster , current president of Petrobras, and before the board of Gas and Energy since September 2007.

All investments are being and will be conducted by PETROBRAS, deserve a more transparent.

It is disturbing when it is expressed "There are facts, facts and figures that show that the vast majority of our projects, important projects have been completed satisfactorily. There are points outside the curve. "

Becomes more emphatic as COMPERJ, emphasizes that the new management is doing a drill until you know how much they cost and what has been done "the physical and financial performance go together," gives us a suspicion that the amounts invested and disbursed does not agree with realized facts.

 

 

When refineries Ace of Maranhao and Ceara, the director of Supply, Jose Carlos Cosenza, said they are in the strategic plan of $ 236.5 billion and receiving resources compatible with the current phase (the project). "But obviously they have to have time, cost and profitability."

I would love to know what kind of autonomy of the previous board, since it states that the independence of new directors is more restricted now, as he pointed out. "The director does not have authorization, by themselves, decide to make investments above what is expected to solve the problem of project performance. Of course I'm talking about the great projects of the company, responsible for production, responsible for the disposal of oil and gas produced.

I know that many may have limitation in the interpretation and understanding of the seriousness of the information contained in VALUE, but certainly we understand that this represents at least absurd, since we are talking about the largest company in Brazil.

With the best technicians, bigger and better resources, come to the point of identifying the most profitable company in Brazil, had a huge weakness in their planning that obviously reflected in their accounting and financial statements with tax advice, independent audit opinion, approval by the CVM, with reserved approval of the SEC, as emphasized in its planning than their plans and goals will relate only investors in Brazil.

Those who passed their statements must at least review their concepts and values &8203;&8203;of individuals, or at least concepts ERROR, MISREPRESENTATION and INCONSISTENCY ACCOUNTING, reserved its proper limitations.

AUTHOR: ELENITO ELIAS DA COSTA, a brazilian.

CompartilheNas redes sociais
Outros ArtigosDo dia 27 de June de 2012