Você está em:
Postado há . Atualizado há

Crise, de quem?

Passamos por um delicado processo de problemas econômicos, políticos e sociais de tamanha monta e vemos que as pessoas lá em cima parecem viver no mundo do faz de conta.

Fonte: O Autor

Passamos por um delicado processo de problemas econômicos, políticos e sociais de tamanha monta e vemos que as pessoas lá em cima parecem viver no mundo do faz de conta.

A equipe econômicos formado por experts e também laureados profissionais não consegue cumprir as promessas feitas e passa uma imagem de desgoverno e de que não sabe o que está fazendo.

Os que geraram o início dessa crise com a maior desfaçatez e cara de pau dizem aos quatro ventos que sabem administrar e não falam nada do rombo que pariram e de que assaltaram os cofres da viúva.

Vemos as conquistas sociais sendo destruídas e os políticos tentando criar um fundo aonde nós, os pobres mortais, teríamos que sustentar suas campanhas.

Parem com isso e por que não criam meios de sustentação das mesmas, assim como os sindicatos que devem sobreviver com suas próprias pernas e tem mais setores que devem se preparar para seguir esse caminho.

Vem chegando um tempo aonde deveríamos votar se assim o desejarmos e não sermos obrigados a tal ato de tamanho autoritarismo e sendo tratados como a senzala da casa grande que tudo pode.

Esse TSE que gasta os tubos e não nos dá resposta de nada e já tem gente fazendo campanha, mesmo sendo proibido e os tais tribunais eleitorais fingem que não está acontecendo nada!!!

Como dizia o Cazuza: “Brasil, mostra a sua cara, o nome do seu sócio”... E quanto vais vemos a cara mais somos torneados a pagar algo que não causamos.

E os que causaram fingem se de mortos e continuam querendo nos esfolar e nos enganar com esses partidecos de boteco da esquina e com “donos” aproveitando do fundo partidário.

No fundo essa crise é mais moral do que qualquer outra coisa e enquanto não tivermos um administrador sério, compenetrado e coerente administrando esse país iremos andar em círculos.

A crise é moral e os imorais não estão vendo que a panela de pressão está prestes a explodir.

E - Palestrante Robson Paniago é Administrador & Poeta

CompartilheNas redes sociais