Você está em:
Postado há 0000-00-00 00:00:00

Recessão, Revisão, Reavaliação, Realinhar, Recuperar

A nótícia que ressou em todo o Brasil foi à informação textual através da mídia televisiva de que o Brasil está técnicamente em RECESSÃO, o que para muitos já esperavam

A nótícia que ressou em todo o Brasil foi à informação textual através da mídia televisiva de que o Brasil está técnicamente em RECESSÃO, o que para muitos já esperavam, pois acompanhavam os acontecimentos, mas para outros a informação foi surpresa, acredito ainda que a previsibilidade desse acontecimento estivesse escrita, haja vista, que não vivemos numa ilha, mas num país continental que está inserido numa economia globalizada.

As empresas e profissionais envolvidos que tiveram a oportunidade de acompanhar a leitura dos meus artigos, onde técnicamente e profissionalmente procuro transcrever informações de importância singular, e a esses acredito que não se surpreenderam com a informação, pois os fatos e acontecimentos indicavam essa tendência.

Executivos, gestores, empreendedores, administradores, contadores, auditores, analistas econômicos e financeiros, investidores, e demais profissionais, que se prepararam através de uma educação continuada buscando sua melhor capacitação e qualificação profissional, deverá demonstrar com sua competência os reais motivos de sua contratação e que possam agregar valor á empresa nesse momento especial.

A quarta maior empresa de informática da Índia se chama SATYAM que em sânscrito significa verdade, cuja empresa teve seu Presidente que confessou ter praticado fraude elevando o lucro e aumentando seu capital de giro, mascarando os demonstrativos contábeis e está sendo submetido á investigação, inclusive resvalando nos profissionais de contabilidade e da empresa de auditoria que acompanhou seu desenvolvimento, parafraseando a infeliz situação “um dia a verdade aparece”.

Não há dúvidas que o quarto trimestre de 2008 que passou deixou o globo em situação incomoda, e provavelmente o exercício de 2009 que será um ano atípico com acontecimentos e fatos mirabolantes que poderá ainda nos surpreender com notícias bombásticas.

As empresas que procederam a um DIAGNÓSTICO EMPRESARIAL estabeleceram um PLANEJAMENTO EMPRESARIAL, devem procurar uma maior transparência nos seus demonstrativos contábeis e financeiros, pois já ficou provado que as químicas e alquimias fantasiosas provocados por gestões não convencionais poderão provocar o caos na empresa, imputando responsabilidades a todos que contribuíram para o cometimento do delito.

A contabilidade e seus setores periféricos têm a responsabilidade de dar a resposta que a sociedade espera através de seus profissionais que se capacitaram para esse momento, seguido obviamente dos auditores, peritos, analistas, assessores e consultores, pois já inexiste espaço para incompetências.

É aconselhável que as empresas procedam e mensurem seus registros de conformidade com os reais acontecimentos geridos e que avaliem, analisem seus demonstrativos e estabeleçam suas melhorias num ambiente transparente e eiva dado de veracidade licita e proba.

A busca e contratação de profissionais antenados com as alterações legais, capacitados com essa nova visão poderão demonstrar que esse momento seja sentido com menor intensidade, desde que haja um processo decisório imediato para sanar esse hiato nebuloso que poderá interagir na gestão empresarial.

A recuperação ou retorno de bons ventos para a empresa passa obrigatoriamente por profissionais competentes e qualificados devidamente contratados para o momento que poderá vitimar a empresa, e todos que a fazem se não houver esse entendimento racional e plausível. 

O cenário econômico em face da informação de recessão deve ser revisado, reavaliado, ralinhado, para que aconteça a recuperação da econômia, dos lucros, do faturamento, da governança, da responsabilidade, da atividade, e principalmente dos sonhos que muitos investiram.

O momento é de muita serenidade, reflexão e principalmente de muita criatividade embasada num conhecimento técnico especifico, que possa vislumbrar uma luz ao final do túnel, para que todos possam atravessar esse momento ileso ou com moderada lesão.

 

ELENITO ELIAS DA COSTA

Contador, Auditor, Analista Econômico e Financeiro, Instrutor de Cursos do SEBRAE/CDL/CRC, Professor Universitário, Professor Universitário Avaliador do MEC/INEP do Curso de Bacharelado em Ciências Contábeis, Consultor do Portal da Classe Contábil, da Revista Netlegis, articulista do Interfisco, do IBRACON – Instituto dos Auditores Independentes do Brasil (Boletim No. 320), autor de vários textos científicos registrados no Instituto de Contabilidade do Brasil, autor de artigos publicados na Revista CTOC em Portugal, sócio da empresa IRMÃOS EMPREENDIMENTOS CONTÁBEIS S/C LTDA. E-mail: elenitoeliasdacosta@gmail.com

 

CompartilheNas redes sociais
Outros ArtigosDo dia 26 de January de 2009