Você está em:
Postado . Atualizado à

Empreender e trabalhar, eis a solução

Estamos vivenciando uma CRISE (econômica, politica, social, religiosa, educacional, sanitária, de emprego e similares)

Estamos vivenciando uma CRISE (econômica, politica, social, religiosa, educacional, sanitária, de emprego e similares) o mundo processa mudanças radicais e rápidas e exige AÇÃO, ATITUDE e principalmente sincronia racional dos recursos.”(Os autores abaixo)

A situação atual demonstra que vivenciamos um momento de verdades que nos atormenta e isso poderá comprometer um futuro promissor, mas devemos proceder a uma analogia dos fatos e diante dos resultados positivos e negativos devemos implementar as melhorias necessárias para minorar o RISCO de ônus indesejáveis.

Empresas e sociedade devem conviver por um período com essas incertezas, mas sabemos que de nada adianta a nossa letargia diante desse quadro devemos obrigatoriamente nos movimentar para proceder á mudança necessária e que possamos respirar melhor oxigênio e navegar em mares mais brandos.

No Brasil e precisamente no Nordeste, onde convivemos por anos em situações precárias, e sentimos com maior rigor essa CRISE que nos atormenta, nos ensinou ao longo do tempo a conviver com essas desigualdades sociais, mas esses fatos deixaram sequelas e marcas indecifráveis para alguns.

Conviver com o mínimo necessário e buscar a EDUCAÇÃO DE QUALIDADE, como motor que deve aglutinar força na busca de sobreviver a essas desigualdades regionais, é realmente a solução das mais aceitáveis, mas sabemos que isso depende de diversas variáveis.

Sabemos que o nordestino pertence a uma nação lutadora e tem qualidades inquestionáveis onde ao longo tempo aprendeu a conviver com essas ações desagradáveis, mas que nos ensinou a conviver com uma secular CRISE.

Empresas quer, sejam públicas ou privadas de qualquer porte ou tamanho e qualquer que seja a sua opção tributária precisa de atenção especial para dar continuidade a sua atividade econômica e social, mas se faz necessário a presença de profissionais devidamente capacitado e qualificada antenado com as variáveis mercadológicas, legalistas e sociais.

A busca pela sobrevivência da atividade econômica das empresas trilham por fases e fatos que necessitam de uma DEMONSTRAÇÃO CONTÁBIL E FINANCEIRA com bastante transparência, controle interno, evitando RISCO que podem ser minoradas através da contratação de um ADVOGADO(A), que norteia essas variáveis.

A redução e controle de CUSTOS E DESPESAS, e a consequente elevação do FATURAMENTO na busca de RESULTADOS POSITIVOS nem sempre trilham caminhos angelicais, daí a importância dos profissionais acima indicados.

Também devemos ser visionário de um futuro promissor onde se faz necessário uma EDUCAÇÃO DE QUALIDADE administrada pelas IES’s existentes, e por professores que ultrapassam as competências, habilidades e eixo prático, aglutinando projetos específicos, que fale outros idiomas, que escreva artigos, que publique livros e profiram palestras que podem comprovadamente obter a qualidade dos profissionais que deverá atender o mercado laboral globalizado.

A EDUCAÇÃO DE QUALIDADE é um investimento que o educando o faz, mas deve ter a certeza de obtenção dos resultados positivos, pois o tempo urge e o capital se torna escasso em tempo de crise.

Devemos entender que convivemos em um SISTEMA, e ele se torna altamente seletivo, mesmo se alimentando do lixo por ele produzido, e devemos entender que a escassez dos recursos exige racionalidade lógica opcional, pois há diversas variáveis que podem depor contra essa nossa visão, mas o tempo urge.

Desculpe aqueles que não concordam com essa posição, mas devemos conviver com essas adversidades, daí convivemos em um SISTEMA, onde somos a massa que o alimenta e provavelmente devemos pagar essa conta.

AUTORES: Elenito Elias da Costa, contador, auditor, analista econômico e financeiro, assessor empresarial, professor universitário, escritor, palestrante, só um nordestino lutador.

Dra. Lilyann Menezes da Costa, advogada, assessora jurídica, só uma nordestina lutador

Outras ArtigosDo dia 15 de July de 2016